A queilite actínica é uma reacção inflamatória e pré-maligna do lábio, causada pela exposição prolongada e crónica aos raios solares.

Acontece quase exclusivamente no lábio inferior, por ser o mais exposto, e é mais frequente nos indivíduos de cor branca e do sexo masculino que exercem actividades ao sol, como agricultores e pescadores.

A menor frequência entre os negros ocorre pelo efeito protector da melanina e acredita-se que, entre as mulheres, seja pelo uso do batom, que actuaria como factor de protecção.

Queilite Actínica

Neste Forum Vamos Descrever os Seguintes Tópicos

Causas

A exposição crónica à radiação solar é apontada como o principal agente etiologico, tanto para a queilite actínica como para o carcinoma epidermóide do lábio.

Tratamento

O principal objectivo do tratamento é a prevenção do desenvolvimento de carcinoma espinocelular e também o quadro inestético e incómodo pelas erosões, crostas e aspereza do lábio.

A remoção do epitélio pré-maligno pode ser feita com a aplicação de 5-fluoruracilo, tretinoína tópica e ácido tricloroacético. Métodos cirúrgicos, como eletrofulguração, criocirurgia, laser, curetagem e vermelhectomia, podem ser utilizados nos casos mais graves.

O uso de protectores solares labiais é obrigatório em utentes com pele clara e exposição ao sol.