O condiloma acuminado ou verruga genital é uma doença de transmissão sexual, altamente contagiosa, causada pelo vírus papiloma humano (HPV) que se localiza preferencialmente nos órgãos genitais. No homem é mais frequente no sulco balanoprepucial, podendo aparecer no bordo anal, sendo esta localização mais frequente nos homossexuais activos. Na mulher a localização mais frequente é na vulva. Secundariamente, estas lesões infectam-se e alguns médicos consideram-nas lesões pré-cancerosas (biopsia).

Verruga Genital

Neste Fórum Abordamos os Seguintes Tópicos

Causas

Causado por vírus do género papilloma. Os responsáveis mais frequentes são os números: 6, 11, 16 e 18.

– 6 e 11: responsáveis pelos condilomas.
– 16: responsável pela papulose bowenóide.
– 16 e 18: responsáveis pelo carcinoma do colo uterino , em 70% dos casos carcinomas verrugosos anogenitais.

Diagnostico

Qualquer médico ou profissional de saúde pode diagnosticar a infecção observando apenas o paciente. As mulheres com verrugas genitais, devem ser submetidas a um exame, para detectar possíveis verrugas no colo do útero. Há evidências de que o virus papiloma humano (HPV)  provoca o cancro no colo do útero.

O exame papanicolau também pode indicar a possível presença de infecção pelo HPV. Neste teste, um técnico de laboratório examina as células retiradas do colo do útero, com um microscópio para ver se elas são cancerígenas. Se o exame Papanicolau de uma mulher mostrar  resultados anormais, é provável que tenha uma infecção pelo HPV. Se isso ocorrer, ser realizados mais testes para detectar e tratar qualquer problema que a paciente possa ter.

Tratamento

Imiquimod creme a 5%: deve ser aplicado sobre a lesão 3 vezes por semana (por exemplo segunda, quarta e sexta-feira, antes de deitar e deverá permanecer na pele 6 a 10 horas), protegendo-se as margens com vaselina. Deverá manter-se o tratamento até ao desaparecimento das verrugas perianais ou genitais externas ou por um período máximo de 16 semanas.

– Outra opção é usar podofilina 10% solução ou gel em fórmula magistral, já que actualmente não existem preparados comercializados. Também deve proteger-se a pele normal próxima para evitar a queimadura. No caso de usar podofilina, começa-se por 10% (aplicar durante 3 dias seguidos por 4 dias de descanso) durante 4 horas em cada verruga e depois lava-se intensamente com água e sabonete. Depois, vai-se aumentando o tempo que se deixa para 6, 8, 10 e 12 horas e, se não desaparecer na sexta semana, deve aumentar-se a concentração. Este método não está indicado quando a área total afectada excede os 10 cm2. A maioria dos utentes experimenta, ao aplicar a podofilina, uma sensação de dor ou irritação leve ou moderada, que não justifica a interrupção do tratamento.

 Atenção: Se entre as 12-16 semanas de tratamento as verrugas não desapareceram, deve encaminhar-se o doente para o dermatologista, para aplicação de tratamento mais intensivo. Perante a presença de verrugas genitais, teremos de investigar no utente e companheiros sexuais, a existência de outras doenças de transmissão sexual (sífilis e VIH fundamentalmente).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here