Já muito se sabe em relação aos factores que poderão potenciar a queda de cabelo. Graças a diversos estudos realizados no decorrer dos últimos anos, é agora seguro afirmar que a hereditariedade, stress, disfunção hormonal e má alimentação representam os principais responsáveis pelo desenvolvimento deste problema.

alopecia-areata

No entanto, apesar de já muita ser a informação existente relativamente a este tópico, a verdade é que ainda não é muito divulgado o facto da queda de cabelo poder, também, ser potenciada por uma doença conhecida por alopecia, responsável pela queda de cabelo numa elevada percentagem da população afectada pela calvice.

A Alopecia é cada vez mais comum nos dias de hoje, e apesar de afectar pessoas de ambos os sexos, assume uma forte predominância em Mulheres que apresentem um organismo fragilizado. O problema, apesar de mais comum em Mulheres mais velhas, também afecta imensas jovens, e pode ter como causas principais traumas emocionais e a acumulação de elevados níveis de stress. Apesar de comum e problemático para os seus pacientes, este problema tem um tratamento mais simples do que outros tipos de calvice, e ao contrário da hereditária, é reversível.

Tratamento para a Alopecia

O principal tratamento para a Alopecia assenta numa reeducação alimentar cuidada, que terá como objectivo promover o bom funcionamento geral do organismo, o que acabará por exercer um impacto bastante positivo no combate a este problema. Em casos mais extremos, poderá ser necessária a utilização de calmantes e outros medicamentos que terão como objectivo combater o stress.

Cremes e pomadas dermatológicas também são, frequentemente, utilizados no tratamento destes casos. Quando o tratamento indicado por um especialista é seguido à risca, as probabilidades do paciente voltar a recuperar o cabelo perdido são bastante elevadas, na medida em que este não representa um caso de queda de cabelo definitiva.

Apesar de ser tratável, é importante não subestimar a Alopecia, na medida em que representa uma doença séria que, quando não devidamente tratada, poderá causar danos irreversíveis no corpo. É possível recuperar os fios de cabelo perdidos, mas tal só será possível se o paciente seguir à risca todas as recomendações que lhe forem feitas.

Para que os resultados se possam revelar mais satisfatórios, é extremamente importante que se procure um dermatologista logo após os primeiros sinais de queda de cabelo anormal. Quanto mais cedo o tratamento for efectuado, maiores serão as probabilidades de se recuperar na totalidade o cabelo perdido.

Para além dos tratamentos mais ligeiros, já existem, também, outras terapias que poderão ajudar o paciente a combater este trauma, como é o caso do implante capilar, mesoterapia e vitaminas. Dependendo muito da idade do paciente e da severidade do problema, diferentes tratamentos poderão ser recomendados, sendo que, uns poderão revelar-se mais eficazes do que outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here